Arquivo | amarelo RSS feed for this section

Saiba quais cores e texturas de esmalte estarão em alta no verão

30 nov

Saiu hoje a tarde uma matéria bacanérrima na Folha.com sobre a loucura do mundo dos esmaltes e as novidades que vão pegar a gente de jeito neste verão. O texto é da Mariana Pastore.

“As loucas por esmaltes, a julgar pelos números atuais desse mercado, não são apenas aquelas blogueiras, umas meninas que fazem convenções sobre a arte da manicure e que são capazes de passar horas discutindo a maneira de alcançar um tom.

A febre só sobe, agora já é delírio. Apenas em setembro de 2010 foram comprados 60 milhões de vidrinhos no Brasil, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos. “Se fosse mantida essa proporção o ano todo, alcançaríamos um total de 720 milhões de unidades vendidas em 2010”, calcula o presidente da associação, João Carlos Basilio. Equivaleria ao dobro de toda a produção do ano passado.

O bom é que não vão faltar opções de cores no verão. E como as grifes do Hemisfério Norte estão fazendo seus lançamentos de inverno –rapidamente copiados por aqui– as possibilidades de escolha são multiplicadas. Esmalte é democracia.

No ano passado, a cor mais desejada foi a do esmalte Jade, da Chanel. Agora, a grife criou hits em tons cáqui. A nacional Colorama já colocou no mercado seu verde Militar, inspirado no lançamento invernal da marca francesa.

Nos Estados Unidos e na Europa, estão em alta os tons de verde e os clarinhos, que apareceram nos desfiles mais recentes de Louis Vuitton, Fendi, Oscar de la Renta e Prada.

A M.A.C. acaba de lançar a coleção Nail Trend em parceria com a “guru das unhas” Jin Soon, manicure estrelada que nasceu na Coreia e tem um dos mais sofisticados centros de cuidados com mãos e pés do mundo, em Nova York, o Jin Soon Natural Hand & Foot Spa.

A coleção da M.A.C. traz cores inspiradas na China Imperial: laranja, azul, taupe, verde, roxo e vermelho.


Já as grifes brasileiras jogaram suas fichas nos tons de rosa e coral para o verão.

NADA DE MISTURINHA

A coleção da Risqué por Reinaldo Lourenço é inspirada nos anos 60 e tem cores clássicas e novidades.

Os esmaltes são divididos em texturas foscas (coral, cinza, rosa e azul celestial), e brilhantes (como vermelho mandarim, vermelho fechado e rosa flúor.

A “beauty artist” Agnes Mamede, que integra a equipe do maquiador Daniel Hernandez para desfiles de marcas brasileiras, afirma que os tons pastel devem predominar nos próximos meses. Tom pastel é uma coisa: não significa que aquela misturinha sem cor virou “fashion”.

Quem gosta de acompanhar as tendências vai enlouquecer tendo que tomar decisões entre tantos tons de rosa, laranja, verde e azul, sem falar no prata.

Não bastasse ter que optar entre tantas nuances, agora há também as texturas. “O esmalte fosco é uma sensação”, afirma Agnes.

MODOS DE USAR

E é preciso variar também na forma de aplicar o esmalte. A maquiadora da M.A.C. no Brasil, Fabiana Gomes, sugere fazer as mãos com diferentes tonalidades de uma mesma cor, quer dizer: pintar cada unha de um tom, para um efeito degradê.

Cláudia Simões, 33, manicure do Studio W, diz que a pintura em meia-lua dos anos 40, com a base da unha clara e a parte superior escura, vai pegar. A diva burlesca Dita Von Teese já adotou, assim como a atriz Mayana Moura, de “Passione”. O pessoal do mundo fashion, porém, acha cafona.

A NOVA FRANCESA

A adaptação da francesinha já é bastante requisitada, segundo a manicure. Vale misturar as cores do verão: azul e verde, rosa e verde, ou até cores vivas com a tradicional listrinha branca.

Outra invenção que apareceu pelo Brasil nas mãos de modelos como Isabeli Fontana é a “unha filha única”.

Todas as unhas da mão são pintadas da mesma cor e apenas uma fica diferente. Segundo Cláudia Simões, conhecida também como Dá, “ainda é muito raro pedirem isso aqui no Brasil”.

Ela explica que essa moda vem das japonesas, mas aparece mais nas passarelas e nas mãos das mais ousadas.


ADESIVO

Batizado de Picnicdric, a “butique de esmaltes” localizada na loja da estilista Adriana Barra, nos Jardins, em São Paulo, é a primeira no Brasil a receber os adesivos especiais de unha termocolantes da americana Minx.

Os adesivos ganharam visibilidade depois que famosas como as cantoras Beyoncé, Katy Perry, Lady Gaga e a “estilista” Victoria Beckham o desfilaram em festas e tapetes vermelhos.

Para aplicá-los é preciso ter uma lâmpada especial, que amolece e fixa os adesivos nas unhas. Os padrões podem ser de oncinha, xadrez, com caveira, bolinhas, listras e flores. O adesivo dourado “craquelado” apareceu no último desfile da grife Alexander McQueen.

 

O CALOR DOS CORAIS


As grifes brasileiras apresentaram unhas vibrantes nos desfiles de verão, tanto em São Paulo quanto no Rio. É claro que a temporada por aqui é pródiga em esmaltes solares, que “ornam” muito bem com uma mão mais bronzeada. Há uma boa nova fornada de alaranjados, com subtons inusitados, apagados, mas nada básicos. Bons exemplos são os tons de amarelinho e de salmão. Mas são os corais mais potentes que estão fazendo a cabeça e as mãos da mulherada.

ROSAS NADA BOBOS


Difícil resistir a um fetiche cor-de-rosa na estação mais animada do ano. Há muitas opções novas, puxadas pelos esmaltes Pop e Rosa Flúor, dois lançamentos da Risqué. Há os tons feéricos, os queimados, os que flertam com o nude e o cáqui e o rosa-bebê que, na opinião da maquiadora Fabiana Gomes, da M.A.C. no Brasil, vai ser o hit do verão. Mas é tudo rosa mesmo, nada de misturinha, de rosinha de bobinha, OK?

MÃOS MILITARIZADAS


Começou com o Jade, o esmalte cor de chiclete de hortelã que a Chanel desfilou em 2009. Enquanto a cor não pulou da passarela para as lojas, as loucas (por esmaltes) fizeram fila de espera tanto na Europa quanto aqui. Houve tráfico de vidrinhos e uma profusão de genéricos imitando a cor. Era raridade, agora há uma avalanche de verdes no mercado, desde os tons de verde-água aos mais fechados. É o caso do Militar, da Colorama, que não fica nada a dever para o novo hit da Chanel, o Khaky Vert, que ainda não está à venda. Junto com os verdes, os tons de cáqui estão bombando e, mais uma vez, é tudo culpa da Chanel, que começou a guerra.”

Link: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/838490-saiba-quais-cores-e-texturas-de-esmalte-estarao-em-alta-no-verao.shtml

Essa isso aí gatonas! Adorei a matéria e vamos preparar nossos bolsos, ai ai!

Beijos e boa noite!

Anúncios

Vai um amarelinho aí?

1 set

Até um tempo atrás eu não tinha nenhum bom amarelinho pastel para chamar de meu, e por isso quis muito o Lemonade, da Orly; a gente sabe que a pigmentação dos importados costuma ser muito boa, e com os elogios ao Lemonade de vários blogs, me inspirei para tê-lo. Ok, ele chegou aqui, usei, adorei e tals. Mas o desempenho dele não foi a perfeição que eu esperava, e hoje eu não espero mais perfeição de amarelo nenhum porque eu sei que eles mancham mesmo. A pigmentação dele realmente é ótima, e nossos brasileirinhos não ficam tão para trás.

Mas o assunto do post não é exatamente o amarelo da Orly, mas principalmente os nossos amarelinhos brazucas que estão pipocando em tudo o que é marca e, por isso, eu trouxe alguns pra vocês verem aqui. O da Orly tá aqui mais pra complementar o post e para que as apaixonadas por ele possa ver qual nacional é mais parecido.

Claro que aqui não estão todos os lançamentos (nem todos são lançamentos, mas tudo bem); ainda tem amarelo pastel da Big Universo, da Mohda, da FinaFlor, da La Pogee e de um montão de marcas que ainda não achei por aqui. Vamos aos que eu tenho aqui:

Lemonade, Orly - 219, Hits - Performance, Passe Nati - Bellini, Ana Hickmann - Aquarela, Guga

Agora nas unhas, todos com 4 camadas. Mesma ordem dos vidrinhos:

Começando pelo dedinho: Aquarela, Bellini, Performance, 219 e Lemonade

Gente, no fim das contas, esmalte amarelo é assim mesmo. O Aquarela, mais ralinho de todos, não precisou de 4 camadas por causa das manchas, mas para esconder o branco da unha – ele até que não mancha muito – e mesmo assim, para ficar perfeito precisaria de mais uma. O 219 ficou com bolhas – talvez seja preciso de mais tempo de intervalo entre uma camada e outra. Eu usei 4 camadas porque eu sou ruinzinha mesmo passando esmalte assim, mas uma pessoa habilidosa se daria bem com 3.

Os únicos desses que não tem brilhinhos são o Lemonade e o Aquarela. Todos os outros tem brilhos muito discretos e lindos.

E o mais parecido com o Lemonade? É o Performance, da Passe Nati! A cor mais próxima é essa (depois vemos os das outras marcas que ainda não tenho aqui).

Beijos

Andréia

Separados pelo envasamento

31 jul

Hello meninas, tudo bem com vocês? Eu estou ótima!

Conhecem a marca Barakiah e Top Beauty? O Barakiah nunca tinha ouvido falar na vida e o segundo esmalte já foi divulgado em vários sites e blogs, mas é um pouco difícil de ser encontrado aqui em São Paulo. Ambos comprados em lojas de utilidades domésticas em dias diferentes.

Mas, qual é qual? Hehe.

Os números um e dois são da marca Barakiah e chama-se Destino. Com duas camadas sem exagero cobriram muito bem a unha e é bem cremoso.

Três e quatro é a Espanhola da Top Beauty. Ele é um pouco mais ralo e pincelei duas vezes com a última mais generosa.

Agora ficou fácil. Os números um e dois são da Barakiah e três e quatro são da Top Beauty e os dois chamam-se Azaléia.

A consistência do Barakiah é um pouco mais cremosa e duas pinceladas foram suficientes. Já o Top Beauty é um pouco ralo, pois passei três demãos.

Ponto positivo para o Barakiah.

Muitas coincidências, não são? Claro! Verificando as embalagens, eles são fabricados pela mesmíssima empresa, responsável técnico e até mesmo o preço! Fiquei com cara de tacho!

Já que possuem o mesmo CNPJ e tudo mais, por que não fizeram algumas mudanças como deixar uma cor mais clara ou escura? Poderiam até colocar brilhos.

Já os esmaltes Hits vieram “premiados”. As indicações na foto um e dois possuem os micros brilhos fofíssimo e  nos dedinhos três e quatro não têm.

Lotes diferentes e comprados em lojas de cosméticos em dias alternados. No site, não dizem nada sobre ter brilho ou não. Apenas que é cremoso, fora as vantagens de como a coloração é intensa. Disso não tenho dúvida. Mas, na minha opinião eles mancham um pouco, talvez seja porque não sei passei direito. Tive de passar três demãos para ficar perfeito, sem dúvida ele é lindo!

Mandei emails para todos os fabricantes. Espero que em breve venha aqui postar todas as respostas.

Beijos,

Fernanda